Os cartões-postais do Rio de Janeiro mostram o Cristo Redentor, o estádio do Maracanã, Arcos da Lapa, entre outros pontos bastante procurados por turistas de todo o mundo, porém o que faz do lugar a cidade maravilhosa de verdade são as obras construídas pelas mãos de Deus, as belezas naturais do Rio.

 

Antes mesmo de chegar na cidade, é possível ver da janelinha do avião todas as maravilhas do morro do Corcovado e da Floresta da Tijuca. No meio disso tudo estão o Pão de Açúcar, um complexo de morros no bairro da Urca que compreende, além do morro do Pão de Açúcar, o morro da Urca e o morro da Babilônia. Lá podem ser encontrados praticantes de montanhismo escalando as mais de 150 vias de escalada.

A Pedra da Gávea, uma enorme montanha de 844 metros, bastante procurada por quem ama trilhas, mas é preciso ter um pouco de experiência, porque ela é pesada e longa. Para quem prefere algo mais fácil, uma sugestão é a Pedra Bonita.

Ao todo, o Rio tem 72,3 quilômetro de praias, com destaque para as praias mais frequentadas e as que fazem parte de áreas de proteção.

 

 

Praias famosas

As famosas praias de Ipanema e Copacabana não ganharam notoriedade apenas por serem tema de uma das músicas mais tocadas da história ou a princesinha do mar. A verdade, é que mesmo antes de Tom e Vinícius chegarem lá, a beleza natural delas já existia e encantava.

Outra praia bastante concorrida é a do Arpoador, não apenas pelas águas cristalinas para se refrescar de dia, mas também pelo incrível pôr-do-sol bastante concorrido visto das pedras do lugar.

Mesmo com toda a estrutura construída ao redor dela, a praia da Barra da Tijuca continua sendo linda ao longo dos seus mais de 18 km de extensão, incluindo uma área de preservação ambiental a Reserva de Marapendi.

 

Reservas ambientais

Existem muitas áreas de preservação ambiental no Rio de Janeiro, entre elas merecem destaque as praias de Grumari e Prainha.

Grumari.

Situada na zona oeste do Rio de Janeiro, fica afastada da cidade e está em uma reserva ambiental, por isso a natureza é preservada, as areias são limpas e as águas cristalinas. Boa para surfistas.

Prainha

Com 150 metros de extensão, a Prainha faz jus ao nome. Também está em uma APA (Área de Proteção Ambiental), onde fica o Parque Natural Municipal.

 

Cachoeiras

Mais afastados da capital carioca, as cachoeiras são um espetáculo à parte. Citando algumas delas, começamos com a Cachoeira Conde D’eu, a 160 quilômetros do município de Sumidouro. Uma queda de 127 metros que forma um arco-íris com o impacto.

A Cachoeira do Escorrega tem 30 metros de um tobogã completamente natural e fica na Vila da Maromba, em Itatiaia.

Cachoeira Véu da Noiva, localizada no Parque Estadual Serra dos Órgãos, no bairro do Bonfim, em Correas. Ideal para montanhismo e escaladas. É lá que fica a pedra do Dedo de Deus.

Distante uns 10 quilômetros da cidade do Rio de Janeiro está a Cachoeira Cascatinha Taunay, com 35 metros de altura, a maior do Parque Nacional da Tijuca.

 

Angra dos Reis

Um paraíso repleto de belezas naturais é Angra dos Reis. São 97 ilhas rodeadas de água cristalina garantem a atração do lugar.

 

Búzios

A antiga ilha dos pescadores, que ganhou fama na década de 60 depois que a atriz Brigitte Bardot esteve por lá, tem 20 praias incrivelmente lindas.

Ainda existem muitos outros lugares para explorar pelo Rio de Janeiro, vale a pena se programar e conhecer os melhores lugares. E se quiser ter uma visão privilegiada de algumas das principais praias cariocas, faça um voo panorâmico de helicóptero com o Comandante Nobre.